Tratar a tosse

A tosse pode assumir duas formas: caso seja uma reacção natural do organismo de expulsão de corpos estranhos, diz-se “produtiva”; caso seja uma tosse seca, causada por focos de irritação (frequentemente com origens infecciosas) será então “não produtiva”.

As plantas medicinais permitem ajudar ambos os casos, através da descontracção dos espamos bronquiais (a tosse em si) e facilitando a expectoração. Algumas destas plantas têm também um efeito sedativo.

Plantas medicinais para o tratamento da tosse:

  • Alface-brava-maior – decocção de folhas ou sumo fresco
  • Avenca – infusão ou xarope
  • Énula – decocção, pó, extracto ou essência
  • Eucalipto – infusão, essência ou banho de vapor
  • Grindélia – infusão ou xarope
  • Líquen-da-islândia – decocção
  • Malva – infusão ou decocção das folhas ou flores
  • Orégão – infusão ou essência
  • Papoila – pétalas cruas, infusão ou xarope de pétalas
  • Rorela – infusão ou tintura
  • Serpão – infusão ou essência
  • Tília – infusão de flores
  • Tomilho – infusão, essência, vapores e inalações
  • Tussilagem – infusão da planta seca
  • Verónica – infusão ou sumo fresco