Tratar a gastrite

A gastrite consiste na inflamação da mucosa do estômago, e pode ter origens tão variadas como maus hábitos alimentares, medicamentos, álcool, café ou tabaco.

Além de ser necessária uma dieta rigorosa, estas plantas podem também dar um contributo à aceleração do processo de cura. Têm uma acção predominantemente suavizante, adstringente, digestiva e hemostática.

No caso da gastrite crónica, que deverá ser diagnosticada através de biopsia, existem outras plantas medicinais especialmente indicadas para a tonificação e regeneração.

Plantas medicinais para o tratamento da gastrite:

  • Abacate – polpa
  • Alcaçus – infusão, pasta ou extracto
  • Aveia – flocos cozidos (com leite)
  • Cenoura – raiz crua, cozinhada ou em sumo
  • Língua-cervina – decocção
  • Linho – decocção
  • Mandioca – farinha cozinhada
  • Maravilha – infusão de flores
  • Morugem – crua, cozinhada ou decocção
  • Oliveira – azeite
  • Pé-de-leão – decocção de folhas ou raiz
  • Pimpinela-menor – brotos crus (em salada) ou decocção
  • Sanamunda – infusão da raiz e das folhas secas
  • Siderita – infusão
  • Zaragatoa – pasta de sementes

Plantas medicinais para o tratamento da gastrite crónica:

  • Ananás – fruto ou sumo (um pouco antes das refeições)
  • Cálamo-aromático – infusão ou decocção
  • Cúrcuma – infusão ou pó
  • Fel-da-terra – infusão
  • Genciana – pasta, decocção, pó ou extracto
  • Levístico – pó da raiz ou folhas, infusão
  • Milefólio – infusão
  • Papaia – látex dos frutos ou infusão
  • Trevo-d’água – infusão, sumo fresco ou pó