Tratar a disbacteriose intestinal

Sabia que nem todas as bactérias são más? No intestino grosso existem várias bactérias que não só não são prejudiciais, como são até essenciais para o bom funcionamento do organismo, produzindo até algumas vitaminas. Contudo, por acção dos antibióticos (sobretudo quando tomados por via oral), a flora intestinal é frequentemente afectada, diminuindo bastante o equilibro natural que existe.

As plantas medicinais podem contribuir para repor esse equilíbrio, regulando a flora intestinal e com efeito adsorvente e adstringente.

Plantas medicinais para o tratamento de disbacteriose intestinal:

  • Alho – cru, extractos ou decocção dos dentes
  • Arando – em sumo fresco, decocção dos frutos ou infusão das folhas
  • Cebola – crua, em sumo fresco, cozida ou assada
  • Choupo-negro – carvão da madeira
  • Cinco-em-rama – decocção da raiz
  • Eucalipto – carvão da madeira
  • Faia – carvão da madeira
  • Tomilho – infusão ou essência