Tratar o corrimento vaginal

O corrimento vaginal é extremamente comum e não é uma doença em si, mas antes um sintoma. Pode ser originado por vários factores, como distúrbios hormonais ou da flora bacteriana, mas também ser causado por infecções. O nome clínico do corrimento é leucorreia.

Este conjunto de plantas medicinais, aplicadas localmente através de irrigações vaginais, têm uma acção anti-inflamatória e adstringente, pelo que ajudará a combater as origens infecciosas da leucorreia, assim como eventuais inflamações que dela possam decorrer.

Plantas medicinais para a leucorreia:

  • Bistorta – decocção das raízes
  • Cinco-em-rama – decocção da raiz
  • Hidraste – infusão
  • Murta – infusão de folhas ou bagas
  • Nogueira – infusão de folhas ou cascas
  • Pé-de-leão – decocção das folhas e raiz
  • Pimpinela-oficinal – decocção
  • Ratânia – decocção da casca
  • Româ – infusão de flores e casca
  • Rosa – infusão de pétalas
  • Salgueirinha – decocção das flores
  • Salgueiro-branco – decocção
  • Urtiga-branca – decocção